Projeto Mascotes: a planta carnívora do 5º ano

Oi, gente! Advinha o que viemos fazer hoje? Pensar Ciências, é claro! \o/

Já sabem do Projeto Mascotes, né? Já falamos dele aqui e aqui. E chegou a hora de falar do 5º ano e de sua planta carnívora.

Tudo começou durante as aulas sobre fotossíntese, havia em um livro uma curiosidade sobre as plantas carnívoras que explicava o motivo desses pequenos seres capturarem insetos e até pequenos animais para sobreviverem.

As plantas carnívoras são fotossintetizantes, absorve água do solo, dióxido de carbono da atmosfera e utilizam a luz solar para a produção de carboidratos energéticos (glicose), ou seja, realizam fotossíntese. Mas por que as plantas carnívoras têm como estratégia de sobrevivência a captura de animais? 

Estas plantas são típicas de ambientes pobres em nutrientes nitrogenados, fonte de matéria prima para a produção proteica. A captura de animais e sua posterior digestão e absorção de nutrientes é um suplemento à escassez de nutrientes nitrogenados no solo em que vivem.

 Os alunos ficaram muito interessados no assunto e propus uma pesquisa no laboratório de informática para conhecermos mais sobre as plantas, pois no livro só aparecia o exemplo da Dionéia (Dionaea muscipula).

planta carnívora dioneia
Olha aí, a nossa mascote do 5º ano

As turmas adoraram as descobertas e, como muitos nunca haviam visto uma planta dessas de perto, tive a ideia de trazer uma para cada sala e fazer delas nossos mascotes. 😉

Como fazemos com as plantas? Essa é a segunda parte do projeto e também a mais divertida!!!

Cada dia um aluno leva para casa a pequena plantinha e conta para sua família tudo o que aprendeu sobre as “temíveis plantas carnívoras”.

Planta carnívora Dioneia
Uma das visitas de nossa mascote. Todos que levam a planta para casa produzem um relatório dos dias que passaram com a planta.
Planta carnívora Dioneia, alimentando-se de uma mosca
Podemos ver o momento da alimentação. Uma pausa para o lanche! 🙂

Falando em lanchinho, olha aí o vídeo que fizemos de um destes momentos. Você pode ver mais vídeos também no nosso canal.

Junto com as plantas, vai um caderno para um relato das famílias. Todas receberam orientações antes de começarmos as “visitas”.

bilhete sobre a planta carnívora Dioneia
Bilhete que apresentou o projeto às famílias
Planta carnívora Dioneia
Esse é o roteiro que as famílias receberam com dicas para cuidar da Dioneia

A turma tem adorado a experiência e os relatos voltam cheio de carinho e descobertas. Vejam alguns relatos que nos fazem acreditar cada vez mais nesse projeto <3

Relatório produzido pelas famílias após a visita da planta carnívora
As famílias produziram seus relatórios após a visita da Dioneia

 

Relatório produzido pelas famílias após a visita da planta carnívora
Mais uma família que se envolveu com nossa mascote! <3
Relatório produzido pelas famílias após a visita da planta carnívora
Continuação do relatório de visita da planta carnívora
Relatório produzido pelas famílias após a visita da planta carnívora
Relatório para provar que pensar Ciências é mesmo pensar novas maneiras de se relacionar com o mundo!

O que mais nos motiva nesse projeto é a integração que estamos vendo entre os alunos e suas famílias! Queremos que pais e filhos possam viver o processo de construção do conhecimento científico.

E vocês? Estão gostando tanto quanto nós? Deixe nos comentários suas dúvidas e sugestões. E continuem divulgando nosso blog e nos ajudando a Pensar Ciências!

3 comentários sobre “Projeto Mascotes: a planta carnívora do 5º ano

Deixe uma resposta